Evite as inadequações vocabulares

Um dos problemas mais comuns nas redações dos vestibulandos é o uso inadequado dos vocábulos.  Ele ocorre por vários motivos, entre os quais a semelhança ou igualdade de sons entre as palavras. Veja abaixo alguns casos, com a forma correta entre parênteses:

- “Infortuosamente, nenhum dos três ganhou o prêmio.” (infortunadamente)

- “É preciso evitar o excesso e a consistência com que isso ocorre.”   (constância)

- “Lá tem muitas crianças aidíforas.” (aidéticas)

- “Ele pediu desculpas e saiu com a cabeça cabisbaixa. (“saiu cabisbaixo” ou “com a cabeça baixa”)

- “São jovens que não têm alta estima.” (autoestima)

- “Ninguém é capaz de transformar algo tão nobre e verdadeiro em algo maquinário.”  (maquinal)

- “São pais antiquários, que prendem demais os filhos.”  (antiquados)