Concursos

Exemplo de recurso feito à banca elaboradora de concurso para o TRF

À BANCA EXAMINADORA DO CONCURSO… Prezados senhores: (Nome do candidato) vem mui respeitosamente solicitar-lhes revisão dos pontos obtidos na nota de redação por julgar que houve excessivo rigor no tópico 2, que trata da Estrutura. O referido tópico envolve os itens “respeito ao gênero solicitado”, “progressão textual” e “encadeamento de ideias e articulação de frases […]

By Chico Viana | Concursos . Dicas úteis
DETAIL

CESPE – Questões comentadas

 Questões elaboradas e comentadas por Chico Viana para o  SIMULADO CONCURSOS (5° SIMULADO CLDF / TST / MPU / TRF1)                                                                       […]

By Chico Viana | Concursos . Questões comentadas
DETAIL

A prova de Língua Portuguesa do TJPE

        O concurso para o Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE) oferecerá vagas para técnicos e analistas conforme a seguinte distribuição:        Para o nível superior, cargo de Analista Judiciário, as oportunidades estão distribuídas entre as especialidades Judiciária (38 vagas), Administrativa (Cadastro Reserva), Assistência Social (Cadastro Reserva), Pedagogia (1 vaga), Psicologia (Cadastro […]

By Chico Viana | Dicas úteis . Notícias
DETAIL

Questão da Consulplan sobre conectivo

     Uma das questões de concurso para administrador, realizado pela Consulplan, traz o seguinte enunciado:       O período: “Enquanto governos fazem pose e se engalfinham nas negociações da ONU quanto ao controle do clima, cerca de 50 nações já adotaram sistemas de mercado ou de impostos sobre as emissões de carbono, para […]

By Chico Viana | Concursos . Questões comentadas
DETAIL

Questão da Consulplan sobre conectivo

     Uma das questões de concurso para administrador, realizado pela Consulplan, traz o seguinte enunciado:      O período: “Enquanto governos fazem pose e se engalfinham nas negociações da ONU quanto ao controle do clima, cerca de 50 nações já adotaram sistemas de mercado ou de impostos sobre as emissões de carbono, para um […]

By Chico Viana | Questões comentadas
DETAIL

Entrevista a Allysson Martins

  Dossiê Sobre o Novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa   Allysson Viana MARTINS Thiago SOARES Universidade Federal da Paraíba (UFPB), João Pessoa, PB.     1 – O novo Acordo Ortográfico foi postulado em 1990, mas entrou em vigorapenas no início de 2009. Você acredita que quais motivos serviram para oestopim de sua implementação? R.: O motivo maior é que finalmente se perceberam as vantagens políticas epráticas do Acordo. Uma delas é unificar o português para mais facilmente transformá-lo em língua oficial da Unesco. Outra é favorecer o intercâmbio entreos países lusófonos e estreitar as relações entre eles.   2 – Tendo em vista que já houve vários encontros com o intuito de diminuir asdivergências entre as ortografias da língua portuguesa. Na sua visão, quais eram os motivos que impediam um acordo entre os países?   R.: O que retardava a aprovação do Acordo eram objeções sobretudo de naturezapolítica, como a resistência de Portugal em aceitar que o português do “colonizado” servisse de parâmetro para a língua do “colonizador”. Com aadesão de estudiosos e escritores portugueses, […]

By admin | Concursos . Dicas úteis
DETAIL

Como estruturar a redação

E-mail de Suellen Guedes, residente em João Pessoa:   “Professor, farei um concurso da Funai este mês e tenho dúvida sobre como estruturar minha redação ‘com base em uma situação-problema, formulada pela banca examinadora, num texto que dê solução ao problema apresentado, relacionado aos conhecimentos específicos estabelecidos no programa (…)’. Elaborarei um estudo de caso? Como elaborar? […]

By admin | Concursos . Dicas úteis
DETAIL

Vírgulas em concurso para o TST

Daniela, de Uberaba (SP), pede um comentário sobre a seguinte afirmação, que a banca de concurso para o Tribunal Superior do Trabalho considerou errada: “Respeitaria as regras de pontuação e de redação de documentos oficiais a inserção da expressão ‘por que não’ no corpo de um ofício, tanto entre vírgulas quanto entre travessões, como aparece no texto.” O texto é o seguinte: “Só que ele está mudando de cara. Como também está mudando o perfil de quem acaba de sair da universidade, da mesma forma que as exigências da sociedade e – por que não? – do mercado, cada vez mais globalizado e competitivo.                                                       **** Expressões intercaladas delimitam-se por travessões ou parênteses. O uso de  vírgulas nesses casos não é aconselhável, sobretudo por motivos estéticos. Certamente a banca considerou errada a afirmação pela referência às vírgulas. Mas pode ter havido, também, […]

DETAIL

Bibliografia básica de português para concursos

1) Antônio Suárez Abreu. Curso de Redação. Ática. 2) Carlos Alberto Faraco e Cristovão Teza. Oficina de texto. Vozes. 3) Celso Cunha e Lindley Cintra. Nova gramática do português contemporâneo. Nova Fronteira. 4) Cilene da Cunha Pereira, Edila Vianna da Silva, Maria Aparecida Lino Pauliukonis & Regina Célia Cabral Angelim. Nova gramática para concursos: praticando a língua portuguesa. Lexikon.    5) Celso Pedro Luft. Grande manual de ortografia Globo. Globo. 6) Dad Squarisi e Arlete Salvador. A arte de escrever bem. Contexto. 7) Dileta Silveira Martins e Lúbia Scliar Zilberknopp. Português instrumental. Sagra Luzzato. 8) […]

By admin | Concursos . Dicas úteis
DETAIL

Tribunal de Justiça/PB – separação silábica

Fernanda Paz quer saber se há resposta para a questão abaixo, queapareceu em concurso para Analista Judiciário do Tribunal de Justiça da Paraíba:   Analise as proposições como verdadeira (V) ou Falsa (F):   I– O grupo de palavras /técnicos/vestígios/denúncias/servidores/ é representativo de encontros consonantais que se separam. II- Os termos /folha/Maranhão/reflexo/tribunal/ identificam-se como dígrafos quenão se separam. III– Os termos /inclusão/presidente/duplicidade/público/ ilustram a presença deencontros consonantais que não se separam. IV– A seqüência de termos excesso/pagamento/irregularidades/excelência é constituída de dígrafos que se separam.   A alternativa correta é: a) F-V-V-F.      b) F-F-V-V.       c) V-V-F-F.         d) V-F-F-V.       e) F-V-F-V. **** Cara Fernanda, a Banca divulgou como resposta para essa questão aalternativa b, considerando verdadeira a proposição IV. Ocorre que, na palavra “pagamento”, os componentes do dígrafovocálico “en” não podem se separar. Certamente consideraram que o “n” e o “t” estão em sílabas diferentes (pagamen-to), no entanto o “n” aí não é consoantemas apenas um símbolo de […]

DETAIL